XXIII Octobermática: evento aborda a história da Matemática

0 Flares 0 Flares ×

 

Tradicional semana acadêmica do curso de Matemática, este ano a Octobermática trouxe comunicações, palestras e teatro sobre grandes nomes do universo numérico

Por Pollyana Lopes e Gian Cornachini
emfoco@feuc.br

O curso de Matemática das FIC realiza, há 23 anos, a Octobermática, semana acadêmica que acontece em outubro, sempre com um tema diferente envolvendo aspectos científicos e pedagógicos da licenciatura. Na semana passada, entre os dias 3 e 6, o evento, que nesta edição abordou a história da Matemática, movimentou mais uma vez os estudantes do curso, que participaram ativamente como organizadores, ouvintes, expositores e, inclusive, como atores de uma peça teatral. Confira um resumo de como foi a semana:

Palestra

Em uma das palestras mais importantes, o professor da UFRRJ Pedro Carlos Pereira falou sobre a História da Matemática a partir da perspectiva brasileira e da educação matemática. Sem ignorar o papel essencial de nomes como Einstein, Newton e Galileu para o reconhecimento da importância da Matemática, ele destacou, em sua fala, grandes matemáticos brasileiros e o papel que eles tiveram no estabelecimento da Ciência e da Matemática no Brasil.

Professor Pedro também contou que teve trajetória parecida com os os alunos da FEUC. Ele também cursou graduação em universidade particular e trabalhou durante o dia para bancar estudar. (Foto: Pollyana Lopes)

Professor Pedro contou que teve trajetória parecida com os os alunos da FEUC. Ele também cursou graduação em universidade particular e trabalhou durante o dia para bancar estudar. (Foto: Pollyana Lopes)

O professor também falou, esmiuçadamente, sobre o início e o estabelecimento do ensino de Matemática no Brasil, primeiro a partir das escolas de engenharia, e apresentou argumentos sobre a importância da história da disciplina:

“História da Matemática não é só para contar que Pitágoras nasceu no ano tal, morreu no ano tal fez isso ou fez aquilo. É para entender porque ele pensou daquela maneira. Aí a gente precisa da História, da Filosofia. A gente precisa conhecer a psicologia daquela época para entender porque Pitágoras pensou daquela maneira e escreveu aquele teorema. Aí sim nós estamos formando cidadãos pela Matemática”.

Professor Pedro também contou que teve trajetória parecida com os os alunos da FEUC. Ele também cursou graduação em universidade particular e trabalhou durante o dia para bancar estudar. (Foto: Pollyana Lopes)

Pedro: “História da Matemática não é só para contar que Pitágoras nasceu no ano tal”. (Foto: Pollyana Lopes)

Ao final, a professora Gabriela Barboza agradeceu a participação do professor e destacou o papel do debate na formação dos estudantes:

“Dificilmente a gente vai lembrar de todos os fatos históricos que o Pedro contou aqui, mas uma coisa a gente entendeu: que a nossa profissão tem uma História e que ela foi construída ao longo de anos, ela é fruto de estudos e ela gera ainda muitos estudos futuros”.

Comunicações

Um dos momentos mais importantes do evento, as Comunicações repetiram, este ano, a alegria e criatividade dos alunos. Espaço para apresentar, de forma lúdica, assuntos referentes à temática da Semana, a atividade cumpriu também com outro objetivo: a integração entre os alunos. “A alegria, a confraternização, um ambiente fora de sala de aula, os alunos se abraçando”, assim foi descrita as Comunicações pelo professor Alzir Fourny, coordenador do curso, após assistir a uma apresentação de um funk matemático elaborado por estudantes justamente para o evento.

Estudantes apresentaram trabalhos no pátio da FEUC. (Foto: Gian Cornachini)

Estudantes apresentaram trabalhos no pátio da FEUC. (Foto: Gian Cornachini)

Grupos cumpriram com objetivo das Comunicações: levar conhecimento com alegria e interação. (Foto: Gian Cornachini)

Grupos cumpriram com objetivo das Comunicações: levar conhecimento com alegria e interação. (Foto: Gian Cornachini)

“A Octobermática tem essa leveza, um pouco de ludicidade, de alegria. Há esse trabalho em que a matemática não é profunda, complexa. Pega o mais simples, as ideias, para mostrar a importância de conhecer a história, a origem da Matemática, como surgiu a partir desses gênios”, explicou Alzir.

Alzir:

Alzir: “A Octobermática tem essa leveza, um pouco de ludicidade, de alegria”. (Foto: Pollyana Lopes)

Café, teatro, História da Matemática e muitas risadas

Outro ponto alto da XXIII Octobermática foi a encenação da peça teatral Café com História da Matemática, no último dia do evento. O enredo da apresentação tem como protagonistas um casal, em um café, que discute a formação do conselho de uma entidade fictícia que reúne grandes matemáticos, inclusive eles mesmos. Interrompidos, frequentemente, por garçons que apresentam algum matemático famoso para história da disciplina, o debate fica mais acalorado, o casal se irrita mutuamente e tudo termina em uma grande guerra de comida, cessada apenas pelo professor Alzir Fourny Marinhos, que interpretou ele mesmo na peça. Fazendo várias referências aos professores das FIC, o trabalho apresentado pela turma do 5º período arrancou gargalhadas e conquistou o público.

Em meio a muitas risadas, informações importantes foram apresentadas no texto da peça Café com história da Matemática. (Foto: Pollyana Lopes)

Em meio a muitas risadas, informações importantes foram apresentadas no texto da peça Café com história da Matemática. (Foto: Pollyana Lopes)

Texto da peça de teatro trouxe uma série de referências aos professores do curso de Matemática da FEUC, que estavam presentes e entraram na brincadeira. (Foto: Pollyana Lopes)

Texto da peça de teatro trouxe uma série de referências aos professores do curso de Matemática da FEUC, que estavam presentes e entraram na brincadeira. (Foto: Pollyana Lopes)

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


quatro + = 9

Somente serão aceitos comentários de autor identificado, relacionados ao assunto em pauta e que não contenham termos ofensivos.

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×