Ecos Sonoros no Festival Internacional de Corais em Camboriú

0 Flares 0 Flares ×

Coralistas da FEUC farão neste próximo fim de semana duas apresentações no evento de Santa Catarina: sábado, em um complexo turístico; e domingo no auditório de uma universidade

Por Tania Neves
emfoco@feuc.br

O maestro David de Souza embarca amanhã para Santa Catarina liderando um grupo de 24 coralistas do Ecos Sonoros e alguns músicos agregados para participar do I Festival Internacional de Corais de Balneário Camboriú. As apresentações serão feitas em dois locais, entre sexta-feira e domingo: no Auditório do campus Camboriú da Universidade do Vale do Itajaí (Univali); e no Complexo Turístico Cristo Luz. Outros 15 corais, de diversos estados brasileiros, também participam do evento, que pretende se firmar como mais uma oportunidade para a divulgação do canto coral no Brasil.

“Além das apresentações em si, este será mais um intercâmbio muito importante para o grupo”, afirma o maestro. Segundo ele, a oportunidade de conhecer o trabalho de outros corais e trocar experiências é fundamental para o crescimento do grupo, e a participação em festivais é sempre um momento proveitoso.

Ecos Sonoros em recente apresentação na FEUC: coral cantará em Balneário Camboriú (Foto: Gian Cornachini)

Ecos Sonoros em recente apresentação na FEUC: coral cantará em Balneário Camboriú (Foto: Gian Cornachini)

Não é a primeira vez que nosso coral Ecos Sonoros ultrapassa a barreira do município e do estado – e mesmo do país – para mostrar sua arte em outras paragens. Desde 1999, quando foi reorganizado pelo maestro David, o grupo já fez apresentações em Belo Horizonte, Conselheiro Lafaiete, Blumenau, Criciúma e outras cidades brasileiras, além das internacionais Bariloche e Córdoba, na Argentina. Também já foi convidado para Roma, na Itália, mas desistiu da viagem por falta de patrocínio.

Maestro David incentiva novos talentos: para se candidatar ao coral, basta marcar teste (Foto: Gian Cornachini)

Maestro David incentiva novos talentos: para se candidatar ao coral, basta marcar teste (Foto: Gian Cornachini)

Coralistas ‘bancam’ a própria viagem

Para realizar a atual viagem, os próprios coralistas fizeram poupanças pessoais ao longo do ano para comprar as passagens e pagar a hospedagem, e ganharam dos organizadores do festival um pacote turístico local para usufruir de alguns atrativos de Camboriú. Para o ano que vem, já têm convites para se apresentar em Campos do Jordão, Bariloche e Roma – mas naturalmente precisam de patrocínios para as viagens mais caras: “Este ano mesmo deixamos de ir a Roma porque era impossível sem patrocínio. Vamos continuar tentando obter parcerias para conseguir levar nossa música e o nome da FEUC por esse país e esse mundo afora”, anima-se o maestro.

Integram o Ecos Sonoros alunos e ex-alunos da FEUC, professores e pessoas da comunidade. Para os interessados em se juntar ao grupo, os requisitos são dois: ser aprovado pelo maestro em um teste de percepção musical e depois passar por um cursinho básico de musicalização e técnica vocal: “São dois meses mais ou menos de treinamento, para se ambientar e entrar no espírito do trabalho”, diz o maestro David, sempre disposto a acolher e incentivar novos talentos.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


+ nove = 14

Somente serão aceitos comentários de autor identificado, relacionados ao assunto em pauta e que não contenham termos ofensivos.

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×